Gauchão 2012 – S.E.R. Caxias 0x2 S.C. Internacional – Estádio Centenário

E acabou a invencibilidade do Caxias no ENTREVERÃO 2012. Jogando contra o time de 6,5 milhões de reais ao mês, que estava determinado a ganhar no Centenário depois de alguns anos, o Caxias não entrou focado e logo sentiu o peso da desatenção. Um a zero pros visitantes, gol de Dagoberto. Logo após Vanderlei entrou pela zaga colorada como se vai à cozinha buscar Olina™ (Essência de vida.), e chutou no canto. Muriel, em tarde inspirada, encostou e mudou a trajetória do balão, que beliscou a trave. A partir daí, muita correria de ambos lados, culminando no segundo gol do adversário, que mostrou qualidade no passe na área.

O segundo tempo se passou com um Caxias mais presente, porém sem a sorte que o acompanhava desde o início do certame. Trocando em miudos: não aconteceu nada, apenas lances esparsos de ambos os times, correria, presepadas de sempre do pessoal de preto nesse tipo de jogo, final do match com o Caxias sofrendo sua primeira derrota no ano por 2 à 0.

Mas então, Toda Cancha, qual o preço desse imbróglio pro Caxias?
Quase nenhum, caro leitor. O Caxias perdeu quando podia perder, contra um adversário que investe 25 vezes mais no futebol e vem embalado para a principal competição de clubes do planeta. Tendo a providencial CAPA DE GORDURA, os efeitos da derrota acossaram o Grená apenas por alguns segundos: a torcida cantou para receber seus jogadores na saída do campo.
Agora é encarar o Canoas em busca de uma vitória, só pra ficar DE BOA na classificação.  Como eu escrevi aqui, após o clássico CAJU, meu campeonato está ok, desde já. A conquista do caneco, da maneira que as coisas funcionam nesses pagos, segue utópica, e não falo de futebol… continua sendo o que penso. Eles que são OS BONITO que se entendam nas maracutaia, eu tenho meu clube do coração do meu lado e só penso no acesso no fim do ano.

Caxias (0)

Paulo Sérgio – Se tomou dois gols, nenhum foi sua culpa, além de operar dois milagres.  7
Alisson – regular.  7
Lacerda – sofreu um pouco no inicio do jogo para acompanhar o ataque adversário. 6
Jean – acompanha Lacerda.  6
Fabinho – fez o que pode, mas não brilhou como em outros jogos.  6
Umberto – seguro no meio campo.  7
Paraná – sempre confiável.  7
Michel 22/2 tempo
Mateus – Fez o que pode.  6
Diego Torres – precisa apenas de um pouco mais de foco.  5
Everaldo, 30/2 tempo
Caion – tentou, mas não foi o dia.  6
Wangler, 15/2 tempo
Vanderlei – nomesmo ritmo do resto do ataque grená  6
Técnico: Paulo Porto

Internacional (2)
Muriel
Elton
Moledo
Índio
Kleber
Fabrício, 35/2 tempo
Bolatti
Guiñazu
Oscar
D’Alessandro
Dagoberto
João Paulo, 29/2 tempo
Leandro Damião
Jô, 29/2 tempo
Técnico: Dorival Júnior

Gols: Dagoberto (INT), aos 4 minutos e aos 35 minutos da primeira etapa.
Cartões: Vermelho: Jean (CXS) 45/2º. Amarelos: Lacerda, Paraná e Mateus (CXS) e Bolatti, Guiñazu e Dagoberto (INT)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima.

Direto da terra do Mississippi Delta Blues Festival, o maior festival de blues da américa latina,
Tiago Zilli

Publicado em Caxias, Gauchão 2012. ligação permanente.

Um comentário em Gauchão 2012 – S.E.R. Caxias 0x2 S.C. Internacional – Estádio Centenário

  1. Chico Luz diz:

    Não consegui ver direito o jogo, mas o Fabinho esse do Caxias joga bola. É o potencial PAULINHO de 2012.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *