Brasil-Pel retorna à série C!

Coragem. Coragem é a palavra que define o meu clube neste momento. Todos nós sabíamos que ao entrar na Justiça Comum, o Brasil de Pelotas estaria aceitando o risco de receber algum tipo de punição. Acredito que poucos clubes fizeram isso, mas a maioria desistiu no meio do caminho.

Numa primeira conquista, o Xavante recebeu a notícia da impossibilidade de ser desfiliado da Confederação brasileira de Futebol (CBF). Mas foi ontem (9) o dia da grande reviravolta.

Imagem vinculada nas redes sociais pela torcida Xavante.

Estava eu caminhando pelo centro de Pelotas. Tranquilamente, ia em direção ao calçadão. Porém, num momento, ao passar por algumas aglomerações de pessoas, ouvi termos como “série C” e “justiça”. Desconfiado, rumei à Tribo Xavante (loja oficial do G.E. Brasil) e questionei à atendente sobre isso.

“Sim! Estamos na C!”, ela me respondeu, com um grande sorriso. Num misto de incredulidade e emoção, saí de lá com os olhos cheios d’água. Liguei para informar ao meu pai, mas ninguém estava em casa. Mais tarde, foi ele que me ligou para trazer as boas novas. Eu e ele, pai e filho, conversamos por cerca de três minutos. Ambos transmitíamos a emoção na voz. Eu queria abraçá-lo da mesma forma que fiz em muitos jogos na Baixada.

Enfrentamos todos os riscos e a força política da turma de São Paulo. Batemos de frente também – acreditem – com a Federação Gaúcha de Futebol (FGF), pois ela, em nenhum momento, pareceu apoiar o rubro-negro do sul do estado. Pelo contrário, pareceu estar contrariada com a decisão de irmos até o fim. Desafiamos, inclusive, o nosso próprio pessimismo. Mas nunca desistimos. Normal para a torcida que já fez tantas caravanas de ônibus por todo o Rio Grande do Sul ou que construiu com as próprias mãos – literalmente – o seu estádio. Natural a uma falange que, segundo pesquisa, ainda é a primeira força em Pelotas.

 

Sobre o processo, segue a nota divulgada pelo site oficial do Xavante:

O agravo de instrumento interposto pelo Brasil perante o Tribunal de Justiça visando a inclusão do clube na Série C do Campeonato Brasileiro foi provido na tarde desta quarta-feira. Na decisão consta a determinação de imediata inclusão do GE Brasil na competição com todos os direitos advindos da mesma, sob pena de pesada multa diária em caso de descumprimento.

A multa diária citada acima é de R$ 100.000,00 por dia. Ou seja, numa situação hipotética, caso o Brasil seja incluído apenas na série C de 2013, a multa chegaria à marca de R$ 36 milhões de reais – bora reformar o estádio para a copa? –, mas não chegará a esse ponto, creio eu.

Cabe recurso da CBF, é claro. Ela será notificada e poderá recorrer da decisão. Entretanto, tem cerca de dez dias para isso. Outro detalhe importante: a decisão não rebaixa o Santo André. Ela apenas determina a inclusão do rubro-negro na competição.

Mais detalhes serão repassados à imprensa e à torcida numa coletiva, hoje (10).

Depois de divulgada a decisão, dezenas de torcedores foram ao estádio Bento Freitas comemorar. Em diversos pontos da cidade, foi possível visualizar fogos de artifício. A vaga para a competição nacional nos passa a ideia de um título conquistado, pois enfrentamos os receios e obstáculos e, por ora, vencemos.

No dia 9 de abril de 2012 posso dizer que chorei. Desta vez, foram lágrimas de alegria e de orgulho por fazer parte de um povo que não se mixa. E os fanáticos negrinhos da estação, mais uma vez, agiram de acordo com o seu hino: avante com todo o esquadrão, torcida do nosso campeão…

“Venceremos!”,

Pedro Henrique Costa Krüger

Clique aqui e leia mais sobre o caso no portal do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul.

Publicado em Brasil de Pelotas, Série C. ligação permanente.

6 Respostas a Brasil-Pel retorna à série C!

  1. Diogo diz:

    sem querer te desiludir, mas acho que esse ano teu sonho não se concretiza.
    O Brasil tomou realmente um rumo perigoso ao entrar na justiça comum, e se tiver êxito vai bagunçar toda a tabela da série C, a não ser que rebaixem o Santo André.
    Só acredito vendo, se fosse um dos capitalistas a virada de mesa provavelmente aconteceria, mas vindo de um time do toda cancha as chances caem drasticamente.
    Abraços grenás

  2. Realmente é difícil de crer. Afinal, somos um clube do sul no sul do Rio Grande do Sul. Para piorar, a FGF não se manifesta, não age. O que vi foi o Noveletto criticando o Brasil, pelo que percebi.

    Enfim, o Brasil parece estar sozinho enquanto enfrenta gigantes e poderosos. Mas eu acredito no êxito porque nossas provas são muito fortes, provam que o clube não agiu de má fé e de que recebeu informações equivocadas, além do próprio jogador nem ter tido a chance de defesa, mas enfim. Resta-nos esperar e ver.

    O tempo está passando e ele está do nosso lado.
    Abraços Xavantes.

  3. Novidades! Os embargos interpostos pela CBF foram julgados IMPROCEDENTES. E mais, o desembargador meio que “sugeriu” a providência a ser tomada pela CBF, que seria a inclusão do Brasil no lugar ocupado por quem veio a ser beneficiado pela ilegalidade cometida, ou seja, o Santo André. Mas o desembargador dá liberdade à CBF para que ela avalie e decida o que fazer.

    Aparentemente está marcado um encontro entre CBF e Brasil no gabinete do desembargador para um acordo. Não sei o dia, mas li que poderá ser na próxima segunda-feira (21), pela manhã.

    A CBF está sendo aniquilada pelo Xavante. Se vencermos, de fato, será a maior vitória de um clube do interior frente à poderosa CBF. Sem palavras.

  4. asterix diz:

    Fodeu a melhor serie C da historia

  5. Não. Essa suspensão vem de uma ação do Santo André. E, em segundo lugar, nada disso estaria ocorrendo se o STJD tivesse, ao menos, dado uma olhadela nas provas que o Brasil sempre teve.

    Acharam que íamos ficar quietos por sermos do sul e do interior. Somos Xavantes, logo loucos e teimosos. Vamos até o fim!

    Abraço.

  6. igor diz:

    acho que não hein,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *