Gauchão série A2 – Passo Fundo 2 x 1 Brasil-Pel (Estádio Vermelhão da Serra)

O Xavante, na noite da última quarta-feira (23), deu mais um PASSO FUNDO na série A2. Foi derrotado no estádio Vermelhão da Serra, por 2 a 1, com dois gols de Sandro Sotilli – triste isso, cara.

O fato de a partida ser a estreia de Rogério Zimermmann no comando do Brasil nesta série A2 não mudou a triste sequência de derrotas. O time de Pelotas foi a Passo Fundo buscando a reabilitação e o primeiro ponto na segunda fase, mas nada trouxe. Nos primeiros 15 minutos, o jogo estava equilibrando e passou a (falsa) sensação ao torcedor de que a vitória viria. Que nada!

Sandro Sotilli – que sempre é tratado com muito carinho no time da Avenida Bento Gonçalves – marcou o primeiro do time da casa, após cruzamento. O Passo Fundo marcara o primeiro gol aos 41 minutos do primeiro tempo.  Na segunda etapa, pouca coisa mudou. E aos três minutos, Galego derruba Diego Miranda na área e o juiz marca pênalti em favor dos donos da casa. Sotilli foi para cobrança e… mandou às nuvens!

O erro na cobrança animou o time do Brasil. Os Xavantes começaram a levar perigo ao adversário. Depois de uma série de bons ataques, o zagueiro André Ribeiro subiu mais que todo mundo, após falta cobrada, e cabeceou ao fundo da rede. 1 a 1.

Em casa, na rua ou no carro, o torcedor rubro-negro que acompanhava o time do coração renovou as esperanças. Seria a primeira vitória na segunda fase! Estaríamos mais vivos do que nunca! Como pegadinha, o Passo Fundo encarnou o espírito troll e marcou o segundo. Numa cobrança de falta, a bola desviou na zaga Xavante e sobrou para Sotilli empurrar a PELOTA para o fundo do gol.

Depois, para tornar a situação ainda mais triste, Rodrigo Dias fez falta totalmente desnecessária e, como já possuía o amarelo, recebeu o vermelho. O time do Brasil até tentou algumas vezes, mas pouco conseguiu. Vitória do time de Passo Fundo por 2 a 1.

O Xavante é o LANTERNA da chave 3, na sexta colocação, com nenhum ponto ganho. O próximo compromisso será em Rio Grande frente a um São Paulo MORDIDO pelos cinco que levou em suas dependências no último confronto. A partida ocorre quarta-feira (30) no Aldo Dapuzzo. Que Deus seja Xavante e nos ajude!

FICHA

Passo Fundo: Souza; Barão, Vagner, Gláuber e Diego Koning; Marcos, Gil (Danilo), Diego Miranda e Da Silva (Fininho); Guto (Sertãozinho) e Sandro Sotilli. Técnico: Ricardo Atolini.

Brasil: Luiz Muller; Tiago Rannow, André Ribeiro, Uillian Nicoletti (Willian Koslowsky) e Galego, Leandro Leite, Rodrigo Dias, Alexandre (Wender) e Alex Goiano; Gavião e Alex Amado. Técnico: Rogério Zimermmann.

Gols: Sandro Sotilli (2x) (Passo Fundo) e André Ribeiro (Brasil).

Cartões Amarelos: Guto, Souza, Vagner, Barão e Gil (Passo Fundo); Rodrigo Dias, André Ribeiro, Leandro Leite e Wender (Brasil).

Cartão Vermelho: Rodrigo Dias (Brasil).

Arbitragem: André Cieslak, auxiliado por José Eduardo Calza e Alduíno Mocelin.

“Sofrendo por amor”,

Pedro Henrique Costa Krüger

Publicado em Brasil de Pelotas, Divisão de Acesso 2012, Passo Fundo. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *