O Leão ainda está vivo

Em jogo com muita neblina e pouco futebol, rubro-verdes ficam no 1 x 1 em Farroupilha. Foto: Comunicação/SERC Brasil-FAR.

Em um jogo onde o principal personagem foi a neblina, Brasil de Farroupilha e São Paulo empatam na gelada noite de sábado (16) em uma partida típica de segundona, onde foi quase impossível enxergar a bola. O Leão segue na 3ª colocação com 11 pontos, enquanto o rubro-verde de Farroupilha continua a ocupar a 5ª colocação do grupo com 9 pontos ganhos.

O duelo de dois rubro-verdes, mesmo com a forte neblina começou com os donos da casa atacando e comandando as ações da partida. Tanto que aos 5 minutos, Leandro Kível, depois de receber bom passe dentro da área, bate no canto do goleiro Willian, inaugurando o placar.

A partir daí, o que se viu foi um jogo com pouca visibilidade e também pouca criatividade. Ambas as equipes não conseguiam criar jogadas de perigo contra o adversário, deixando a partida ainda mais disputada no meio de campo e com duras jogadas. E foi com a vitória parcial do Brasil, que acabou o truculento primeiro tempo entre os rubro-verdes.

Na volta para a segunda etapa, Rudi ousa, e saca o lateral direito Gian, para lançar ao campo o veloz e aguerrido atacante Tainã. Fazendo com que o time de Rio Grande voltasse ao jogo com uma cara mais ofensiva.

E foi o que se viu. O Leão do Parque, desde o início da etapa final ia ao ataque, e criava boas chances de gols, porém, pecava na conclusão e seguia sem conseguir o empate. Até que aos 42 minutos jogados da etapa final, quando muitos davam como certa a vitória do time da serra, brilha a estrela de Rudi e de Tainã.

Em boa jogada dentro da área o atacante São-Paulino sofre falta. O juiz aponta pênalti, e enche de alegria o torcedor do São Paulo que acompanhava a partida pela TV, na noite fria de Rio Grande.

Anderson Ijuí parte pra cobrança e coloca a bola no fundo do gol do goleiro Willian Lago, empatando o jogo 3 minutos antes do final. Após o árbitro sinalizar 4 minutos de acréscimo, o jogo continuava bastante disputado e com o time de Rio Grande tentando segurar o empate.

Aos 49, veio o susto para a torcida São-Paulina. No ultimo lance da partida, o juiz marca falta a um passo da grande área. O Brasil no desespero lança até mesmo o goleiro Willian Lago para área, mas de nada adianta. Quem brilha no lance é o goleiro Willian do São Paulo, que pratica uma espetacular defesa garantindo um importante empate ao Leão.

O empate deixa o Brasil, na vice lanterna do grupo. O próximo compromisso do rubro-verde das Castanheiras é quarta-feira (20) contra o seu xará de Pelotas, em casa, em um jogo onde definirá qual dos dois irá pra rodada final ainda com chances de classificação.

Já o Sampa segue na terceira colocação e no mesmo dia, enfrenta o lanterna Riograndense no Aldo Dapuzzo. O Leão necessita da vitória para seguir com chances de classificação, ainda assim tendo que buscar pontos na ultima rodada em Passo Fundo.

O time de Rio Grande, conta com o apoio de sua torcida contra o Riograndense-SM, na quarta, para empurrar a equipe nesse importante duelo que definirá a vida do Leão na competição.

Resumo

Brasil-FAR (1) – William Lago, Dudu, Ademir (Anderson), Heverton, Cris (Rodrigo Vareta), Tiago Soler, Miro Bahia, Eduardinho, Mazinho (Cris Beato); Leandro Kível, Leandro Branco – Técnico: Marcelo Caragnato.

São Paulo-RG (1) – William, Gian (Tainã), Teda, Caçapa, Marciel, Rodrigo Gaúcho, Alex Scalsky, Deivid (Dangelo), Anderson Ijuí, Juliano (Delmer), Robert – Técnico: Rudi Machado.

Local: Estádio das Castanheiras.

Arbitragem: Eleno González Dodeschini; assistente 1 – Lúcio Beiersdorf Flor; assistente 2 – Leirson Peing Martins.

Eu acredito. “Vamo subir Sampa”, 

Lucas Costa Linck

Publicado em Brasil de Farroupilha, Divisão de Acesso 2012, São Paulo-RG. ligação permanente.

Um comentário em O Leão ainda está vivo

  1. Isso mesmo, a missão está cada vez ficando mais difícil, no entanto, depois do que foi visto ano passado naquela classificação contra o farrapo, onde o Alex Amado e Teda nos classificaram, devemos acreditar até o final! Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *