Segunda Divisão Gaúcha: Igrejinha 1×2 Aimoré

O futebol, em sua essência, é lindo! Começo essa MANIFESTAÇÃO DEMENTE assim, porque ainda estou embebido na emoção que envolveu a vitória aimoresista na última noite em Igrejinha, frente ao time local.

O número aproximado de 300 pessoas que, quarenta delas aimoresistas, compareceram à cancha puderam acompanhar um jogo disputado, pegado e DRAMÁTICO com aquela clássica combinação de UMIDADE e FUMAÇA que torna ainda mais BELA a face densa do futebol pampeano.

A partida começou com o Aimoré tomando a iniciativa, valorizando a bola e tentando tabelas. O Igrejinha veio com uma proposta clara de se defender e especular nos contra-ataques. Num destes, a jogada pelo FLANCO resultou em uma falta que foi cobrada no meio da COZINHA do Aimoré, Pitol rebateu e no rebote CROUCH fez 1 a 0 para o Igrejinha.

O Aimoré não se abateu com o tento sofrido (exceto Pitol, que passou a provocar e a discutir com a torcida Igrejinhense) e continuou melhor na partida. Logo na sequência, após escanteio para o Índio, Lucas Silva com muito oportunismo empatou o jogo para o escrete capilé.

Após o pastel e o PEPÃO do intervalo, as equipes voltaram para a segunda etapa com as mesmas propostas de jogo iniciais e rapidamente o Aimoré marcou seu segundo gol. O ENDIABRADO Gabriel  serviu Lucas Silva e, como de praxe, o artilheiro não perdoou, virada Índia na terra da Oktober!

O Igrejinha veio pra cima e o jogo se tornou nervoso, a arbitragem se perdeu, fumaceira generalizada (que interrompeu o jogo por SETE MINUTOS). Enquanto isso, o Aimoré seguia especulando em contra-golpes, Tiago Matos quase fez o terceiro.

O Tricolor vinha pra cima na base da VOLÚPIA, com chuveirinhos na área e muita correria, porém a retaguarda do Aimoré se manteve impecável mais uma vez. Na metade final do segundo tempo, o Aimoré perdeu o volante TOTO lesionado e, por já ter feito as três alterações, ficou com um homem a menos.

Gelson Conte posicionou bem a equipe e o Igrejinha pouco criou. No fim, apenas um início de tumulto motivado pela demora do encaminhamento de Toto para o atendimento adequado, mas que foi contornado e, aos 52 MINUTOS, a partida se encerrou com a vitória capilé por 2 a 1.

Igrejinha(1): Fernando; Mateus, Cleiton, Natan e Beloir; Mikael, Dener (Rodrigo), Gelson (Maike) e Didu; Crouch e Maicon (Daygon).

Aimoré(2): Marcelo Pitol, Gian, Jésum, Luiz Henrique e Vinícius (Marquinhos); Toto (Bruno Sá), Marcio Reis (Tiago Mattos), Alex e Gabriel; Lucas Silva e Japa.

As fotos são do sítio indiocapile.blogspot.com.br

Messi é moda, Lucas Silva é foda.

Natan Dalprá Rodrigues

Publicado em Aimoré, Igrejinha, Segunda Divisão 2012, Terceirona com as tags , , , , , , . ligação permanente.

8 Respostas a Segunda Divisão Gaúcha: Igrejinha 1×2 Aimoré

  1. luizkochhann diz:

    Lucas Silva é bom atacante. Pena que as lesões e o time fraco atrapalharam a passagem dele pelo Ypiranga no Gauchão.

  2. Leonardo Robinson diz:

    O mais engraçado foi o quarto árbitro discutindo com a torcida do aimoré e mandando os cara ir comer pastel na copa hehehe

  3. #2

    Boa Leonardo eauheauheaue

    Cara, está formalmente convidado a mandar teus relatos sobre o Igrejinha, que acha?

    Abraço!

  4. daroit diz:

    O atacante do Igrejinha realmente carrega a alcunha de CROUCH? Que coisa ÉPICA.

  5. Maurício Klaser diz:

    Tem que conseguir IMAGENS desse CROUCH

  6. Natan Dalprá Rodrigues diz:

    Vou ver com o pessoal do indiocapile.com.br se tem alguma foto do CROUCH e ele é realmente parecido.

  7. Luiz Eugênio Gressler diz:

    Agora temos que incitar a população capilé a TORCER E BRADAR pelo índio, principalmente nos jogos no MONUMENTAL DO CRISTO REI

  8. Leonardo Robinson diz:

    Posso mandar sim natan, abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *