Chegou o ano do Centenário, chegou a hora de jogar!

Caíco, agora diretor de futebol do Santa Cruz. Foto: Juan Barbosa/Agencia RBS.

O ano mais importante da história de um clube, principalmente para aqueles que não vivem de glórias, como o Galo, talvez seja o ano do seu centenário.  Em 2013, o CARIJÓ completa 100 anos de história. Esperamos que os jogadores sejam motivados por esse fato, façam uma campanha digna de um clube secular e honrem essa CAMISA PRETA e BRANCA.

Cuca, com passagem pelo Galo em 1984, empunha a camisa Carijó. Foto: Jacson M. Stulp/CaseMKT/Assessoria de Imprensa do  Futebol Clube Santa Cruz.

Como o Futebol Clube Santa Cruz, infelizmente, não joga o ano inteiro, os dirigentes carijós já começaram a preparar o clube para o GAUCHÃO 2013. Apostas, apostas e mais apostas. Depois de apresentar o técnico URUGUAIO Sérgio Ramires e do Presidente Paulo Almeida assumir o clube, a direção Alvinegra apresentou hoje um MARUJO DE PRIMEIRA VIAGEM, trata-se de Airton Graciliano dos Santos, o “famoso” Caíco. O ex-jogador, que começou a carreira no Internacional em 92 e foi campeão da Copa do Brasil pelo colorado da capital, passou por mais de 10 clubes em sua trajetória pelo futebol. Hoje, ganha um voto de confiança da diretoria do Galo.

Na terra da cuca, do chopp e da atual MUSA do Gauchão, a pressão é grande em cima de um time que a mais de 10 anos é NEUTRO no cenário do futebol gaúcho e que no último certame estadual quase foi rebaixado, salvando-se num jogo histórico contra o Lajeadense, nos Plátanos. Um jogo tenso, com direito a entrevero entre a torcida e a Policia. Enfim, desacreditado por muitos neste Gauchão, o time planeja chegar ao campeonato do interior e talvez até alcançar uma final de turno.

Luiza Mazzarino, o título do Galo Carijó em 2012! Foto: Jacson M. Stulp/CaseMKT/Assessoria de Imprensa do  Futebol Clube Santa Cruz.

A responsabilidade de levar o clube a conquistar esses objetivos, vai ficar toda nas costas do Cigano do futebol, Caíco. Dele, junto com o treinador, é a tarefa de contratar e formar uma equipe competitiva. O homem não teve ainda tempo nem de tomar seu primeiro chopp, comer um pão com linguiça e dar uma olhada nas BELAS LOIRAS santa-cruzenses e já falou em contratações e glória para o time Alvinegro. Outro assunto em que o dirigente já falou foi o de jogar os 12 meses do ano, algo que sempre foi muito cobrado pela torcida carijó e nunca atendido pela direção – talvez esteja aí o motivo do Galo chegar sempre na marcha lenta para o Costelão, enquanto outros já haviam peleado o ano inteiro –  e que provavelmente seja atendido no próximo ano.

Uma pena que time e direção precisem de uma DATA ESPECIAL, como o centenário, para manter as portas abertas o ano inteiro e fazer um time competitivo, sendo que deveria ser assim TODOS OS ANOS. Esperamos que toda essa expectativa do centenário resulte em alguma coisa e o Galo conquiste algo em 2013 ou, pelo menos, não deixa seu DIGNO torcedor na solidão.

Do cancheiro Galo Carijó,

João Pedro Brum Pardo – @joaopbrum

Publicado em Gauchão 2013, Santa Cruz com as tags , , , , , , , . ligação permanente.

5 Respostas a Chegou o ano do Centenário, chegou a hora de jogar!

  1. Zezinho diz:

    Falaram em cuca e chopp, mas o que vi aí foram os gomos da bergamota…

  2. Lucas diz:

    Dale, uma boa sorte pro novo cancheiro
    Que 2013 seja repleto de realizações pra ti e pro nosso Galo!

    Saudações alvinegras

  3. A Banda do Rinhadeiro diz:

    Dale! Parabéns pelo texto,reflete bem o que a torcida Alvinegra espera do ano do centenário. 1913 – 2013

  4. Giaretta diz:

    nem seria necessário caracteres, essa musa já vale a entrada no link.

    é extremamente frustrante torcer para um time que joga apenas 3 meses, vivi isso com o Ypiranga por 3 temporadas e dá vontade de parar de torcer. É pelos 100 anos de história que o departamento de futebol do santa cruz precisa estar aberto o ano todo, e depois pelos 101 anos, e assim por diante, porque primeiro os times tem que levar a sério sua história e sua torcida para depois serem levados a sério por alguém.

  5. Mauricio diz:

    Esperamos que o Galo jogue o ano inteiro em 2013. A torcida já espera isso faz tempo e como o ele colocou no texto: Infelizmente a diretoria vai ter de se fazer valer do centenário -fato especial – para jogar o ano inteiro. Baita texto, Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *