Convocação

“Esse cara é tão ruim que não serve para jogar nem no Aimoré”. Antes de proferir qualquer manifestação demente sobre o derradeiro confronto que se avizinha para o ÍNDIO, discorrerei rapidamente sobre a frase que abre esta coluna.

Essa espécie de deboche, aliada às risadinhas irônicas e piadas grotescas sobre o Clube Esportivo Aimoré são muito comuns aqui em São Leopoldo. Nunca entendi exatamente o porquê disso, visto que o maior expoente de São Léo estado afora é o Aimoré.

E nessa retomada do futebol profissional, essa lastimável postura permanece presente aqui, mesmo com a mais do que consolidada campanha aimoresista na Segunda Divisão do MILONGÃO 2012.

Tchê, aproveito esse espaço INSANE que desfruto nas RETUMBANTES linhas do Toda Cancha para não apenas convocar o torcedor/simpatizante alvi-azul para o jogo desse domingo. Mas sim, para convidar os senhores e as senhoras para um momento de reflexão.

Se a campanha do nosso Capilé é ótima, o time é realmente bom, o projeto de organização do clube salta aos olhos e há muitíssimo respeito das demais equipes do estado ao nosso PAVILHÃO. Por que uma cidade como é a nossa, de mais de 200 mil pessoas, não pode colocar duas ou três mil almas no Cristo Rei?

E como eu sei que tem muita gente por essas margens do Rio dos Sinos que gostam muito de futebol, faço um chamado. Venham a campo domingo gurizada, a dupla da capital já é campeã disso e daquilo, o Aimoré precisa verdadeiramente do nosso apoio.

O jogo promete ser ótimo, o Guarany vem com força máxima, com alguns nomes que falam por si só: GABIRU, ADÃO, GOICO e BARÃO. O Índio leopoldense traz consigo a vantagem de um TENTO conquistada em Bagé e Gelson Conte tem toda a esquadra barranqueira à sua disposição, entre eles a espinha dorsal Pitol-Luis Henrique-Marcio Reis-Lucas Silva.

Aproveito e reforço o que meu amigo Luiz Eduardo disse com muita SAPIÊNCIA aqui.  Venha à cancha com as cores aimoresistas ou que seja de maneira neutra, à PAISANA. Não venha trajando vestes de outros clubes, eles não precisam de ti naquele momento, quem precisa é o aguerrido CACIQUE DA TABA.

Vale destacar também uma ótima iniciativa da diretoria Índia. Na manhã desse sábado, a partir das 9:30, terá um posto AVANÇADO alvi-azul na Av. Indpendência (a popular RUA GRANDE), na frente das Lojas do ALDO. Nesse espaço, será possível adquirir ingressos e haverá vendas também de produtos oficiais do Aimoré.

Sem mais delongas, é isso viventes. Já vencemos a primeira lá na Rainha da Fronteira, agora é aqui na TABA, convida a patroa e reúne a piazada. Compareça ao Cristo Rei e vamos ficar só a DOIS jogos do acesso.

Serviço do jogo:

EMBATE: Aimoré x Guarany de Bagé

Local: Estádio Monumental do Cristo Rei – SÃO LEOPOLDO.

Horário: 16 horas de domingo, abertura dos portões às 14:30.

Valores:

Cadeiras = R$ 20,00 
Arquibancadas = R$ 10,00 
Idosos = R$ 5,00 
Mulheres = R$ 5,00 
Estudantes Com Carteirinha = R$ 5,00 
Sócios em dia e crianças menores de 12 anos = não pagam ingresso.

Diretamente do BERÇO DA COLONIZAÇÃO ALEMÃ,

Natan Dalprá Rodrigues

Publicado em Aimoré, Guarany de Bagé, Segunda Divisão 2012, Terceirona com as tags , , , , , , , . ligação permanente.

Um comentário em Convocação

  1. Muito bom o seu comentário. Peço licença para opinar sobre o questionamento do fato de que um clube de uma cidade com quase 200 mil habitantes não consegue colocar 3 mil em um jogo. No meu entender, a explicação está no fato de que os torcedores da cidade preferem destinar seus afetos para Grêmio ou Inter ou até mesmo para grandes times do Interior do País. Todos querem ter a chance de poder dizer que são campeões. Com isso, clubes de cidade do Interior sempre vão penar. É o mesmo que acontece em Bagé em que moradores de lá dão dinheiro (associam-sem, compram camisetas e outros objetos customizados pela dupla) e nem ligam para o clube de sua cidade. Aí, quando esses clubes eventualmente conseguem, apesar das dificuldades, algum destaque, aparecem alguns oportunistas dizendo que torcem pelo time. Lamentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *