Que venha a estrela dourada!

Nos embalos da tarde-noite de sábado, o Gaúcho recebeu o Aimoré no Estádio Vermelhão da Serra, na bela Passo Fundo, em jogo válido pela primeira MÃO da Final da Segunda Divisão do GUASCÃO 2012.

Como já era sabido, teríamos um duelo de opostos, pois se de um lado o Gaúcho vinha de uma campanha cambaleante que resultou em feitos COLOSSAIS na fase dos mata-matas. De outro, tínhamos o Aimoré que se constituiu como o bicho papão da competição desde seu início, com uma campanha quase que irretocável.

O Jogo

O público pequeno, de cerca de 500 VIVENTES, que foi à CANCHA mal havia aberto o saquinho de amendoim quando, após jogada de Japa, Gian fez o primeiro tento alvi-azul. O periquito respondeu rápido com Da Silva que exigiu em pouco menos de três minutos, três defesas providenciais de PITOL.

A equipe de Marco Aurélio e SERJÃO passou a dominar o jogo, vindo com ímpeto para o ataque enquanto o escrete leopoldense cometeu o erro crasso de recuar a marcação, trazendo consigo o ataque alvi-verde. De tanto cercar a área aimoresista, os passofundenses tiveram uma chance na bola parada, em que Adriano bateu e Pitol tirou de soco. O goleiro e empresário da noite foi o destaque da primeira parte da partida.

Pela banda gauchista, vale destacar o ótimo primeiro tempo da TRINCA de frente formada por Léo, Paulo Josué e Da Silva. Eles deram tanta dor de cabeça que na saída para os vestiários, o comandante Índio, Gelson conte afirmou que o Aimoré precisava ocupar melhor o meio-campo, se não fatalmente levaria um gol.

Os atletas capilés parecem que entenderam bem o recado, pois o Índio voltou completamente diferente, com Marcio Reis e Gabriel jogando mais próximos, não permitindo que a MEIUCA do Gaúcho pudesse SASSARICAR na linha divisória da RELVA do BIG RED da Serra. Essa postura foi tão efetiva que aos 8′, Márcio Reis roubou uma bola de Iuri, tocou para Gian, este TRAMOU com Japa que fez o ARCO para Márcio Reis dominar e balançar o CAPIM de novo. 2 a 0 para o Cacique da Taba. A partir desse instante, o time capilé mandou no jogo. Além do aspecto técnico, o preparo físico fez a diferença, foi notória a LETARGIA que o PIQUE do jogo provocou nos hercúleos atletas alvi-verdes.

Aos 20′, CASTAGNETE tocou para Guilherme que chutou e Pitol pegou mais uma. Dois minutos depois, o INSANDECIDO Japa serviu a Tiago Matos que não desperdiçou, virou goleada na terra de TEIXEIRINHA.

O periquito tentou descontar na base da bravura, tanto que Da Silva exigiu mais uma boa intervenção do guardião da OCA aimoresista, mesmo a essa altura já tendo dois homens a menos, pois Iuri e Nikolas foram expulsos. Mas não teve jeito, placar final: Aimoré 3 x 0 Gaúcho.

Com esse resultado, o Aimoré pode perder por até dois gols na partida de volta a ser realizada no Monumental do Cristo Rei no domingo que vem, às 16 horas, que será, pela primeira vez em sua história, campeão de uma competição profissional! Ao Gaúcho resta vencer por 3 a 0 para arrastar a decisão aos PENALES. Para vencer nos 90 minutos, somente aplicando um placar mais dilatado.

A previsão é de cerca de oito mil ALMAS no próximo jogo, com o presidente do Índio, Marcio Picoli, anunciando que disponibilizará os caminhões de sua empresa de SUCATAS para a festa da taça. Lindo. Até lá, é aguardar AVIDAMENTE.

Ficha Técnica

ESTÁDIO VERMELHÃO DA SERRA

PASSO FUNDO/RS

SPORT CLUB GAÚCHO 0 X 3 CLUBE ESPORTIVO AIMORÉ

S.C.Gaúcho: Souza, Iuri, Marcelo, Adriano e Fortes; Alécio (Níkolas), Guilherme (Maicon), Castagnete; Paulo Josué, Da Silva e Léo. Técnico: Marco Aurélio.

C.E.Aimoré: Pitol, Gian, Jesum, Wagner Tiziu e Alex; Ian (João Pedro), Marquinhos, Marcio Reis (Odair) e Gabriel; Tiago Matos (Luquinhas) e Japa. Técnico: Gelson Conte.

Assista aos GOLOS do jogo AQUI

Cartões amarelos: Alécio, Adriano e Guilherme (Gaúcho); Marquinhos, Marcio Reis e Gabriel (Aimoré).

Cartões Vermelhos: Nikolas e Iuri (Gaúcho).

Arbitragem: Márcio Coruja, auxiliado por Lucio Flor e Marcelo Silva.

Separando os trocados para comprar a nova camiseta com a estrela dourada,

Natan Dalprá Rodrigues – @palindromices

As fotos são do Diogo Zanatta/ZH Especial e do Jornal O Nacional.

Publicado em Aimoré, Gaúcho de Passo Fundo, Segunda Divisão 2012, Terceirona com as tags , , , , , , , , , , , , . ligação permanente.

3 Respostas a Que venha a estrela dourada!

  1. giuliano reis diz:

    Lindo demais.

  2. Emanuel Mattos diz:

    “O público pequeno, de cerca de 500 VIVENTES, que foi à CANCHA mal havia aberto o saquinho de amendoim quando, após jogada de Japa, Gian fez o primeiro tento alvi-azul.” Um primor de abertura de crônica! Abração.

  3. Kaminski diz:

    primeiro gol, falha do goleiro, segundo gol, falha do zagueiro, e o terceiro gol, bom esse eu não vi por que estava ocupado demais xingando a progenitora do cara que me barrou na porta do estádio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *