Um passo na história e outro para a Glória

Foto do site ijui.com

O RUBRO, após 30 anos de história, chega à final de um turno do campeonato BAGUAL da nossa terra, com uma atuação de gala sobre a equipe do Caixas, os comandados de PP FRITARAM AS POLENTAS e as comeram com apetite de campeões na baixada. Com mais esta vitória, o São Luiz chega a sete triunfos, com dois empates e uma derrota. Porém, sob o comando do técnico Paulo Porto, são oito jogos, sete vitórias e um empate, o que significa um aproveitamento de 91,66%. O aproveitamento total do clube na competição é de 76%.

O São Luiz é o primeiro finalista do primeiro turno do campeonato Gaúcho. Diante do seu torcedor, que lotou o estádio 19 de outubro, apoiou em todos os momento do jogo com seu canto habitual de “São Luiz, São Luiz…”. O RUBRO conseguiu uma vitória por 2 a 1 sobre o Caxias, ao ENTARDECER do último sábado e garantiu a decisão da Taça Piratini em Ijuí. Seu adversário será o Internacional.

O primeiro a balançar as redes foi o São Luiz, logo aos três minutos de jogo, com Juba, após cobrança de escanteio. Aos 18 minutos, contudo, Marcelo Carvalho igualou o marcador. Macaé, no final do primeiro tempo, ainda salvou a equipe de levar a virada quando até o goleiro havia sido driblado. Já na segunda etapa, Eraldo, de cabeça, voltou a deixar o rubro em vantagem e o São Luiz soube segurar o placar graças a atuação destacada do goleiro Oliveira.

No próximo domingo o Internacional-POA vai provar do  veneno de VERÃO do Zangão de Ijuí. Será o confronto entre o colorado do Noroeste contra o da capital e que vença EL ROJO de Ijuí.

Ficha do jogo:

São Luiz: Oliveira, Júnior Barbosa, Thiago Costa, Marcel (Marcelo Oliveira) e Élton Macaé; Marcos Rogério, Baiano, Adãozinho e Marcos Paraná (Washington – 2T); Juba e Eraldo (Gavião). Técnico: Paulo Porto.

Caxias: André Zuba; Jackson (Michel), Jean, Lino e Dener; Marcelo Carvalho, Wallacer (Cleberson), Zambi e Renato (Paraná); Alísson e Rafael Santiago. Técnico: Picoli.

Gols: Juba e Eraldo (São Luiz); Marcelo Carvalho (Caxias)

Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves es Lima, auxiliado por Alexandre Antônio Kleiniche e Jorge Eduardo Bernardi.

Cartões amarelos: Marcelo Oliveira (São Luiz); Marcelo Carvalho e Jean (Caxias).

Comendo umas polentas fritas e assistindo mais um triunfo do RUBRO,

Emanuel Dalla  Roza

(A foto é do sítio ijui.com)

Publicado em Caxias, Gauchão 2013, São Luiz com as tags , , , , , , , , , . ligação permanente.

3 Respostas a Um passo na história e outro para a Glória

  1. Grená diz:

    Pq não comentaste do segundo gol do São Luiz, quando Eraldo se apoiou com os dois braços em cima do zagueiro grená??
    Parabéns pela final, mas CAMPEÃO DE TURNO, no interior, SÓ TEM UM!

  2. Zebrão diz:

    .. E que vença EL ROJO de Ijuí, o interior tá com vocês!

    Obs: só corrige ali, quem nasce na Tortéilândia é Tortéi, não Polenta.

  3. Gustavo diz:

    Méritos ao São Luiz dentro de campo, fora dele uma vergonha. Camisas da dupla grenal como se fosse um clássico da capital. Ao chegarmos e entoarmos o clássico “Anti Grenal…PNC da Capital!!” na tentativa de nos enturmarmos quase fomos agredidos a paus e pedras. Uma vergonha o povo de Ijuí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *