Vai começar o risca-faca para o cacique da taba!

                      manchete062624

Restando apenas alguns dias para o início da disputa da Divisão de Acesso 2013, o torcedor aimoresista vive uma explosão de sentimentos (SANTANA, Luan). Agitação, expectativa, dúvidas, incertezas, mas muita, muita esperança.

O clube da terra onde JAZ o onipresente PADRE REUS manteve importantes peças do esquadrão que, no ano passado, faturou a SEGUNDA DIVISÃO DO BAGUALÃO. Além do técnico Gélson Conte, ficaram, dentre outros: Jésum, Luis Henrique, Japa, Alex, Marquinho, Ian e Luquinhas.

Além destes, a direção foi ao mercado e trouxe reforços experientes como o goleiro Rafael, que já passou por Pelotas e São José, o lateral Fábio Rodighero que outrora se destacou no Sapucaiense e o principal deles, o centroavante RODRIGÃO. O DELANTERO com passagens por Internacional, Santos, Palmeiras, Botafogo, entre outros, vem para segundo palavras do próprio: “Ajudar no projeto de recolocar o Aimoré na Série A”.

E para tal intuito, é notório o esforço de toda a coletividade INDÍGENA. Toda uma estrutura de preparação física, comandada por Airton Ruschel, que fez parte da comissão técnica de ADENOR BACCHI no Corinthians, foi preparada para dar aos atletas o NECESSÁRIO respaldo.

                        manchete062626

Entre outros fatos, chamou a atenção que após muitos anos, havia uma quantidade maior de bolas para os atletas realizarem os treinamentos. Em outras temporadas, até as MOGANGAS estavam contadas pelos lados do Cristo Rei.

Mas falando do que já foi observado dentro das quatro linhas, algumas convicções permanecem PÉTREAS enquanto algumas questões ainda precisam ser melhor observadas. Rafael guardando o ARCO, Jésum, Luís Henrique, Fábio Rodighero, Japa e Rodrigão ostentam, com merecimento, a titularidade do escrete alvi-azul.

E quanto aos dois últimos, é bom ressaltar que além da boa presença de área de RODRIGOL e de toda a qualidade do SEIYA aimoresista, ficou provado que há boas opções dentro do plantel no que tange ao ataque. Maiquel Santana, Da Silva e Luquinhas entraram bem nas partidas e demonstraram que se um dos titulares chupar BALA, perde o lugar no time.

Contudo há uma série de dúvidas sobre esse time aimoresista. Começando pela lateral direita, o recém chegado Naydion se machucou no início dos trabalhos e deve ficar fora da disputa da A2. Com isso o zagueiro Luanderson foi improvisado por ali e este, além de não se apresentar bem na função, padece de uma mal vinda lesão muscular.

A meia cancha também inspira maiores TERGIVERSAÇÕES por parte dos Capilés. Apesar de Marquinho e Ian terem mostrado um futebol correto como primeiros volantes, um autêntico CINCO deve ainda ser contratado para o certame. E, o que talvez seja a principal dor de cabeça do COACH azul, a falta de uma definição de quem é o ARTICULADOR da equipe preocupa.

Os contratados Erlando e Claudemir foram tímidos até aqui, Éder RICHARTZ não está em condições legais para atuar, pois sua transferência do VIETNÃ para cá ainda não foi regularizada pela Confederação do TIO MARIN.

Gabriel foi REPATRIADO, após ficar um período sem jogar no Santa Cruz, e não tem uma previsão de quando terá condições totais de jogo. Alex foi deslocado ao setor e, quando se combina em INCURSÕES pelo lado SINISTRO com Fábio Rodighero, é uma boa alternativa só que não uma solução.

Na campanha Índia de amistosos, o AZUL Y BLANCO venceu o SINDICATO por 7 a 1, bateu Avenida por 4 a 0, perdeu para o Grêmio por 5 a 0, empatou com o Brasil-Far por 1 a 1 e, ao fim, triunfou perante o time sub-20 do NÓIA por 2 a 1.

manchete062625

Bueno, com a pré-temporada do Aimoré passada a limpo, resta conter essa grande ansiedade que toma conta de todos os pertencentes da Tribo Capilé. A previsão é de grande público na estreia do time na A-2 PAMPEANA que será no Domingo, às 15:30, frente ao Ypiranga (Sharlei Giaretta e Kochhann estarão em São Léo!?). O enfrentamento acontecerá no Monumental do Cristo Rei.

Estima-se que, em pouco mais de seis meses, tenham sido vendidas mais de MIL das belas camisetas do Índio Capilé, que é fornecido pela COMPETENTE Dresch Sport. Creio que Xavantes e Papos ratificam essa minha colocação.

Não só pelo expressivo número de POPULARES trajando as jaquetas alvi-azuis, mas se respira na cidade um ar de boas perspectivas para os herdeiros de SOLIGO e Toruca.

Basta andar pelas ALAMEDAS da cidade para sentir que o clima é de mobilização e de certeza de que dá para BELISCAR uma das três vagas para o GRUPO ESPECIAL de 2014.

Este Cancheiro está particularmente otimista, o que é um bom sinal. Ou não (ns).

Tomando um chá de Camomila para controlar a ansiedade,

Natan Dalprá Rodrigues.

(Todas as fotos são do Site do Clube Esportivo Aimoré e do Digue Cardoso)

Publicado em Aimoré, Divisão de Acesso 2013, Sem categoria, Série A2 2013 com as tags , , , . ligação permanente.

Um comentário em Vai começar o risca-faca para o cacique da taba!

  1. L F Neumann diz:

    Texto macanudo. Eu, que vi o Felipão jogar na zaga do Aimoré, estou pronto para acompanhar os zindio desde aqui do Rio de Janeiro. Eu acredito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *