Separados pelo ÓBVIO

26698_zoom

Um domingo calmo e com tudo dentro do óbvio. Quando digo óbvio, me refiro ao sentido original da palavra. Afinal, uma arbitragem PREPARADA, um estádio SEGURO e um grande contingente de policiais PRONTOS para qualquer imprevisto, são itens ÓBVIOS em um campeonato de futebol profissional. No mais, o que aconteceu domingo passado é um antônimo, e para nós, esse antônimo já faz parte do passado!

Pós-picanha sagrada de cada domingo, todos os caminhos levavam á CANCHA DO LEÃO, ou seja, o Dapuzzão. Não para todos, afinal, o São Paulo não ganhou domingo passado, e isso já é suficiente para os OPORTUNISTAS – que só vão ao estádio nas boas – ficarem em casa, assistindo os astros da capital, ÓBVIO.

935090_448104058610634_242694102_n

O visitante, o bugre vindo da parte mais central da região sul (Camaquã), vem mal das pernas. O Guarany se arrasta com o peso do fardo de uma campanha ainda sem vitórias. E assim saiu da cidade do porto. Mesmo com a estreia de dois reforços vindos da primeira divisão, um volante e um zagueiro recém-chegados do Canoas.

No São Paulo, com a expulsão do Émerson Dantas e o Diniz com seu terceiro amarelo, o Leão adentrou a cancha com Diego Borges na volância e Michel no meio ataque. E as mudanças deram mais que certo, pois o primeiro aplicou uma marcação perfeita e o segundo deu passe pra gol e jogou BUENACHAMENTE BEM!

Enquanto a Mancha Rubro Verde dava SHOW, aos 21’ Michel cruzou no porongo do Aylon e o “Diabo Loiro” do Leão marcou o primeiro. FESTA NO DAPUZZO, o ÓBVIO estava acontecendo.

58871_453312008086716_447925744_n

Não se passaram 8 giros do ponteiro grande do relógio quando Teko, o lateral são paulino mais bipolar – impossível dizer se ele é muito bom ou muito ruim – da região sul soltou uma bicuda pro meio da área e o imortal ALÊ MENEZES meteu a testa na frente do goleiro Rossi e deslocou o guarda-redes do Bugre, 2×0 no placar e fim da primeira metade.

O Guarany até tinha dominado o início do primeiro tempo mas, como de costume, ‘até joga bem, mas a bola não entra no gol do adversário’.

No intervalo, tudo dentro do óbvio. Jogadores no vestiário, sorteios, pança enchendo e o técnico e o presidente do Brasil de Pelotas na arquibancada, em meio á torcida do Leão. OPA, sinal de que estamos ENCHENDO O SACO, hein.

O Bugre volta com Rafael Paraíba lugar de Carlos Alberto e formou o ataque com Flaviano e Gustavo Righi, mas quando a pelota voltou a rolar, Leão atacando, Bugre defendendo. Até que o camisa onze do São Paulo foi lançado na marca da cal, na entrada da área e soltou o petardo cruzado, três tentos a zero para o RUBRO VERDE MAIS QUERIDO DO BRASIL.

O Bugre camaquense foi guerreiro e tentou como pôde, mas Luciano justificou – mais uma vez – seu posto de melhor goleiro anão de 43 anos do MUNDO.

Final de jogo. Está provado. Para estarmos na elite ano que vem, precisamos apenas de uma coisa: O ÓBVIO.

21283_453312334753350_327838773_n

A cancheira camaquense que vos fala, no ano passado, sentiu o mesmo que os torcedores do SP e até entende essa empolgação digna.

Ficha Técnica:

São Paulo: Luciano; Teko, Carlão Farias, Wagner e Rafael Locatelli; Carlos Alberto, Diego Borges, Saraiva (Guilherme) e Michel (Maickel); Alê Menezes e Aylon (Tainã). Técnico Rudi Machado.

Guarany-Ca: Rafael Rocci; Júnior, Flávio, Gustavo e Kairo; Jonas, Prill, Douglas e Carlos Alberto (Rafael Paraíba); Maceió (Righy) e Flaviano. Técnico: Rodrigo Bandeira.

Arbitragem: Rogério Spílman, auxiliado por Cláudio Luís Gonçalves e André Guimarães Peil

Local: Estádio Aldo Dapuzzo.

No próximo domingo, o São Paulo recebe o Brasil de Pelotas a partir das 15h30. O Guarany de Camaquã vai buscar a recuperação em Santa Maria contra o Riograndense, começa às 15h30 também.

De Rio Grande, Guilherme Rajão e representando o Guarany de Camaquã, Fernanda Ferrão.

(As fotos são de Pedro Figueiredo e Fabio Dutra)

Publicado em Divisão de Acesso 2013, Guarany de Camaquã, São Paulo-RG com as tags , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *