+3 e +1

foto1

Não, caros leitores deste site, eu não vim ensinar matemática para vocês, podem ficar tranquilos. O que aconteceu foi que o Guarany de Bagé venceu seu segundo jogo no COSTELÃO DE SEGUNDA 2013, conquistando mais três pontos na tabela e consolidou mais um jogo, ou seja, mais 90 voltas no relógio sem tomar gols. Já são 5 jogos em que a defesa do EL LOCO LECO não deixa a bola adentrar sua meta. Graças também ao goleiro Luli, um dos heróis do bicentenário e aos zagueiros Ilson e Marcelo.

Nesta última gélida noite de quarta-feira, quando o termômetro cravou 3°C na Rainha da Fronteira, saíram para a cancha de jogo alvirrubros e jalde-negros. Não, não era clássico BA-GUA. Era o Três Passos visitando o Índio pela 4ª rodada deste campeonato em vigência.

O jogo já começou estranho, o Guarany perdeu o sorteio da “moedinha” antes de jogo e iniciou o embate atacando para o lado esquerdo das cabines de imprensa. Tudo bem, mas não para aqueles que são supersticiosos, como este que vos relata.

Logo aos 7′ do 1ºT, a casa do goleiro trespassense Jair quase veio abaixo após uma bola alçada na área, em que Geison deu um “toquinho” e tirou tinta da trave. Impondo seu jogo desde o apito inicial, o Guarany continuava atacando através do quarteto Dênio, Cléber Oliveira, Marcão e Geison. Por vezes subiam os laterais Diego Saraçol e Douglas, mas sem muita efetividade.

O Índio rondava a área do JALDE-NEGRO, porém não conseguia infiltrar-se na área visitante. Isso resultou com que os donos da casa arriscassem mais de longe. Ao total foram 3 chutes que levaram perigo ao gol do TAC.

Os visitantes finalizaram pela primeira vez aos 17 minutos do primeiro tempo, depois de escanteio cobrado e cabeçada que de forma alguma assustou Luli. O Guarany continuava atacando e o gol parecia estar nascendo. Após bola levantada na área em escanteio, o marcador foi inaugurado, quando após uma PELEJA dentro da área e um bate-rebate que fez com que a bola sobrasse para o beque ILSON, o mesmo chutou no alto e fez 1 a 0 para a alegria daqueles que deixaram o conforto de seus lares para no cimento gelado, apoiar o bicampeão gaúcho.

Aos 43 quase ocorre o empate, após um desvio leve, mas tão leve que foi com o CABELO. A bola mudou o penteado do jogador, mas não mudou o placar do jogo.

No segundo tempo, poucas ações…

O jogo esfriou, tanto quanto a temperatura, que naquela altura da noite já rondava a sensação de 0°C, com certeza. A etapa complementar iniciou truncada, na primeira metade nada de chance de gol para nenhum dos dois times.

O ENTREVERO mudou após o dedo de Leco, que apontou para o preparador físico Polaco, com a intenção de que este intensificasse o aquecimento de Michel Souza, que após entrar no lugar de Marcão deu mais movimentação ao ataque. Alguns dribles executados de forma não objetiva, mas Michel deixava a dupla de zaga trespassense, TALHEIMER E NICOLETI de olhos mais abertos.

O jogo se encaminhava para o anoréxico 1 a 0 quando Michel Souza, dominou na meia-lua, parou, pensou, pensou novamente e COM A MÃO, caprichosamente colocou a bola no travessão balançando o barraco dos homens da Região CELEIRO. O jogo que estava desalentador tomou ares dramáticos. O TAC veio para cima e encurralou os alvirrubros dentro de seu campo. Foi aí que a solidez da zaga de Leco apareceu fazendo jus ao dito popular futebolístico: “Bola para o mato que é jogo de campeonato.”

Foi quando numa dessas, o pé não seguiu a direção para onde o nariz estava apontado e deixou o ataque alvirrubro no 2 contra 2 com a zaga do do Três Passos, e Geison, recebendo bola da esquerda perdeu um gol incrível. No rebote, ao ser driblado pelo autor do gol perdido, Jair cometeu o derradeiro pênalti que consolidou a 2ª vitória do Guarany em 3 jogos.

002

O Guarany com essa vitória passou o Garibaldi no saldo de gols e é o POSSUIDOR da liderança da chave.

O próximo embate é o clássico BA-GUÁ, em casa, válido pela 4ª rodada. Acontecerá domingo às 15:00  no horário de Bagé e será em casa.

Ficha do Jogo:

GUARANY: Luli, Douglas, Marcelo, Ilson e Diego Saraçol; Max, Ivan Lima, Cléber Oliveira (Sandro Muller) e Dênio (Almir); Geison e Marcão (Michel).

TRÊS PASSOS: Jair, Julio César, Talheimer, Nicolete e Luiz Henrique; André Teresa, Wagner, Josimar e Deivid; Fabio Buda e Maicon Leandro.

GOLS: Ilson (38’ PT) e Geison (p) (44’ ST).

Da Rainha da Fronteira,

Kauê Monteiro

(A primeira foto é do Francisco Bosco / Jornal Minuano e a segunda é do Sérgio Galvani / Assessoria de imprensa do Guarany de Bagé)

Publicado em Guarany de Bagé, Segunda Divisão 2013, Terceirona 2013, Três Passos com as tags , , , , , , , . ligação permanente.

Um comentário em +3 e +1

  1. tato moreira diz:

    Belo trabalho, e obrigado!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *