SER Caxias empata no Rio e segue no G4

ZambiNeles

Após a goleada sobre o Mogi Mirim no último jogo em casa, o esquadrão grená viajou ao Rio de Janeiro para enfrentar o Madureira, favorito para trazer os três pontos na bagagem. Além do já lesionado lateral Dick e do suspenso Mariano Tripodi, o técnico Picoli não pôde escalar os meias Jonathan e Zé Mário, que se lesionaram ao longo da semana de treinamento. A novidade foi a apresentação do lateral-direito Felipe Correia, de 21 anos, também vindo da parceria com o Marcílio Dias-SC.

No Estádio Aniceto Moscoso, Picoli escalou Douglas, Felipe Correia (Luiz Felipe, 36/2º), Tiago, Jean e Dener; Baiano, Alisson, Rafael Carioca e Wallacer; Zambi (Rodrigo Jesus, 36/2º) e Charles Chad (Patrick, 43/2º) para enfrentar o Tricolor Suburbano. Diante de menos de cem pessoas, sendo quase metade de grenás, apesar do borderô ter anunciado mais de trezentos pagantes, a equipe serrana sempre buscou o gol para garantir a vitória.

A equipe da zona norte do Rio de Janeiro saiu com a bola, mas os Bepes conseguiram roubá-la e Charles Chad quase marcou de cabeça com menos de um minuto, mas o goleiro Jonathan apareceu. Sob o sol escaldante de 40º de temperatura, Rafael Carioca se sentiu em casa e comandou o meio de campo no primeiro tempo, já que Wallacer estava apagado no jogo. Outro carioca, Charles Chad queria marcar seu gol. Primeiro, Rafael Carioca levantou a bola na área, Chad se antecipou e a bola explodiu no travessão. Novamente de cabeça, Chad tentou enganar o goleiro Jonathan com o quique no chão, mas ela subiu e passou do gol carioca. No final do primeiro tempo, o outro fluminense da equipe grená, Zambi, entrou na área em velocidade, mas chutou para fora do gol de Jonathan.

15631690

Picoli gostou da atuação grená, mas queria mais capricho no último passe e, na volta para o segundo tempo, a equipe serrana voltou com mais força. Logo de cara, o zagueiro Lucas Tavares falhou e, na corrida e técnica, Zambi roubou a bola, entrou área a dentro, tirou do goleiro e marcou um belo gol, aos dois minutos da segunda etapa. Foi o terceiro gol de Zambi nesta edição da Série C e seu nono pela SER Caxias na temporada, sendo artilheiro grená no brasileirão e no ano. Era a consolidação da volta das boas atuações de Zambi, e aos 14 minutos, ele infernizou a zaga adversário e dentro da área, em lance de velocidade, foi puxado novamente por Lucas Tavares. Pênalti para o esquadrão grená. Zambi decidiu não bater e Wallacer cobrou, mas muito mal, nas mãos do goleiro Jonathan. No rebote, Chad chutou em cima do goleiro.

O Caxias perdia a oportunidade ainda no início do segundo tempo de ampliar o placar da partida e garantir a vitória, aonde provavelmente logo chegaria ao terceiro gol. Mas se o “se” não existe no futebol, o velho ditado “quem não faz, leva” sim. Aos 23’, em um lance isolado, o Madureira chegou ao gol de empate com Ramon, de cabeça. O desânimo pelo pênalti perdido foi percebido pelo lado dos cariocas, que aproveitam para pressionar a equipe grená tentando o gol da virada. O Grená desistiu de atacar e, nos minutos finais, foi pressão do Madureira a cada minuto. No final, o empate foi comemorado.

Apesar do Madureira estar na parte de baixo da tabela, antes da partida iniciar até que um ponto seria muito importante para os objetivos dos grenás. Mas pela a baixa qualidade revelada pela equipe carioca, a SER Caxias deixou dois pontos no Rio, sendo que, ainda pelo 1º turno, empatou por 0x0 em casa. Mas nos minutos finais, com a pressão e as boas defesas do já destacado goleiro Douglas, um ponto voltou a ser comemorado. O Caxias está com 25 pontos, em terceiro lugar, com o mesmo número de pontos, mas com saldo de gols pior que o segundo colocado, o Macaé. O líder é o Mogi Mirim, com 26, e o Guarani completa o G4 com 23 pontos.

Seis equipes buscam – com chances reais – as quatro vagas para a próxima fase. Além dos já citados, aparece em 5º o Vila Nova, com uma partida a menos, e em 6º o Betim, que apesar de estar com apenas 17 pontos (mesmo número de pontos do Madureira), tem duas partidas a menos e está a quatro partidas invicto.

Fora das quatro linhas, na última quinta-feira, o STJD julgou os casos do Duque de Caxias e do próprio Betim. A CBF reconheceu o erro no controle dos atletas e não tirou os nove pontos da equipe carioca, e o Betim recebeu uma multa de R$ 15 mil e não foi excluído da competição. Os dois jogos foram remarcados, mas o clube ainda corre o risco de perder seis pontos.

Faltam três rodadas para encerrar a 1ª fase, sendo que o esquadrão grená jogará as próximas duas rodadas seguidas em casa. Tem totais possibilidades de conseguir seis pontos nestes jogos e garantir a classificação com uma rodada de antecipação. A SER Caxias enfrenta, às 15h30min do próximo domingo (29/09), o Vila Nova-GO no Estádio Centenário e a expectativa é de mais de doze mil grenás em busca da vitória. Antes disso, o Vila vai até Minas para enfrentar o Betim, pelo jogo atrasado da última rodada.

Alan Fattori

(com fotos de Marcelo Fonseca/Especial e do jornal Pioneiro)

Publicado em Caxias, Série C, Série C 2013 com as tags , , , , , , , , , , , , , , . ligação permanente.

2 Respostas a SER Caxias empata no Rio e segue no G4

  1. ricardo diz:

    eh isso dai GRENAAAAA, vamos p cima domingo, so q esse último jogo nós nao poderíamos ter errado o penalti….chega nessas horas o CAXIAS tem q se impor, agora fica a pressão nossa de ganhar as 2 em casa, mas vamo la, eu acredtio q iremos subir, DALHE CAXIAS

  2. Corrigindo a primeira frase do primeiro parágrafo:
    “Após a goleada sobre o Crac-GO no último jogo em casa…”
    Acabei colocando “Mogi Mirim, que tinha sido o último jogo antes do Crac.
    Caxias venceu o Crac-GO por 3 a 0 no sábado, dia 14/09 pela 14ª rodada da 1ª fase da Série C.
    Desculpem o engano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *