Demorou (literalmente) mas a Periquitada tá voando alto novamente

gool5

O jogo era em Canoas na quarta as 15:30 hrs. Era do verbo não foi. Canoas teve problemas com o estádio e mandou o jogo nos Eucaliptos (?). Faceira por poder olhar o jogo, fui até os Calípio, equipes aquecendo, cinco minutos pro início da peleia, tudo normal né? Não. A arbitragem não havia dado as caras. Decidido entonces que a redonda só rolaria as 16:30 hrs.

Uma hora pra aproveitar a brisa que habitava as quase vazias arquibancadas do pavilhão verde e branco. E também pra Nestor Simionato e o filho mais velho contarem uns CAUSOS enquanto esperavam pra ver Vitor entrar em campo.

DSC08818

Já eram 16:46 hrs quando os homens de preto deram o ar da graça, equipes aqueceram pela segunda vez e a partida que era pra ser as 15:30 hrs em Canoas, foi autorizada as 17:02 hrs em Santa Cruz do Sul. Sem muito tempo pra CHARLA nas arquibancadas, logo aos 12 minutos de redonda rolando no embarrado gramado, o camisa 9 do Periquito, Guilherme estufou a rede dos visitantes (ou mandantes, não sei ainda).

gol1

Canoas mostrou claramente o porque da posição na tabela de classificação e não levou perigo ao ninho do Periquito. Chegado aos 35 minutos da etapa inicial, novamente o camisa 9 alviverde cara a cara com o goleiro adversário, foi tocar por cima e PENALTI! Com direito a arqueiro expulso e Guilherme saindo TORTO de dor nas costas pela PECHADA (?). Ezequiel foi pra cobrança e… corro pro abraço, vacilou entrou no clima ♪ GOLO!

gol 2

Torcedor já pensando em rumar até o tradicional cachorro quente no

intervalo e Guilherme vai mais uma vez pro ataque e o 3 x 0 era CRAVADO no placar! Homem de preto apita pela última vez no primeiro tempo e era hora de ir matar a fome!

De volta ao LISO e já JUDIADO a essas alturas, gramado os cueras entraram já indo pra cima e logo aos cinco minutos da segunda etapa Guilherme querendo pedir música no Fantástico, de PUXETA guarda o seu terceiro gol com cinquenta minutos de jogo.

Visto de longe que era jogo pra fazer saldo, e sem muito tempo pra comemoração, dois minutos depois o lateral Augusto guardou o dele também. 5 x 0 no placar (apagado) e as lembranças de goleada deixavam de ser negativas e viravam uma realidade positiva e empolgante!

Placar garantido, os torcedores que não deixaram as arquibancadas estavam praticamente dormindo de tão empolgante que a peleia estava. Hora de fazer mudanças na equipe anfitriã (ou os anfitriões eram os visitantes?), o homem do comando Lúcio Collet queimou as substituições possíveis e acertou. Parrudinho que chegou pra substituir o homem gol da tarde, Guilherme, CHEGOU CHEGANDO e aos 30 minutos do segundo tempo que aparentou durar três horas, estufou a rede pela sexta vez!

O TENTO de honra foi aos 37 minutos, numa BOBEIRA da defesa. Mas a essas alturas quem ligava né? Fechando com chave de ouro e guardando saldo, aos 45 minutos Parrudinho, que vem fazendo boas partidas pelo alviverde, estufou a rede pela última vez na tarde que já ia rumando pra noite.

Era tanto gol que a arbitragem não aguentava mais ver números e nem acréscimos quis dar. Apiiiiita o árbitro e a égua tava lavada! Num jogo sem grandes dificuldades, o 7 x 1 no placar, a auto estima recuperada e o sorriso de orelha a orelha na PERIQUITADA.

Sem tempo pra folga e muita comemoração, o Avenida já volta aos trabalhos na quinta-feira, visando o confronto diante do 15 de novembro no próximo sábado, novamente nos Eucaliptos, mas dessa vez como mandante.

(As imagens são da cancheira Sabrina Heming)

Arbitragem, vocês acharam que o jogo era em Canoas?

Sabrina Heming

Publicado em Avenida, Canoas, Copa FGF Sub-19 com as tags , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *