Leão luta até o fim e arranca empate em Bagé

29092013Parece que a sina do Leão das Missões é estragar a festa dos Bageenses no fim dos jogos. No primeiro turno, vitória de virada sobre o Grêmio Bagé com um gol aos 48 da segunda etapa e na tarde deste domingo o empate missioneiro veio aos 49′, salvando o que seria a segunda derrota seguida.

Com muitos desfalques, o Leão foi presa fácil para os locais que em 20 minutos de jogo já faziam 2 x 0 dando a falsa impressão de jogo fácil e goleada no Estrela D’alva. Mas a principal característica do Palmeirense no certame é a luta, e não foi diferente. Arrancou um ponto importantíssimo que deixa a equipe viva na competição.

Logo aos 10 minutos iniciais, o experiente Cléber Oliveira alçou na área para Douglas se antecipar a Ganzer e abrir o escore. Perdido em campo o Palmeirense levou o segundo gol em mais uma falha do goleiro Gallas, que segue sendo muito contestado pela torcida. Em lance que aparentava não haver perigo, Alan, de cabeça, encobriu o goleiro e fez o segundo. Ainda na primeira etapa Thiaguinho descontou dando forças para a reação que viria no segundo tempo.

Na segunda etapa muita pressão pra cima dos donos da casa e a recompensa veio nos acréscimos com o armador Lima, um dos destaques da equipe na Terceirona Gaudéria. Com o empate, o Guarany assumiu de forma isolada a liderança da Chave A, o Palmeirense, por sua vez, ocupa a sexta posição. O próximo duelo do mais querido das Missões é em Santana do Livramento diante do 14 de Julho, o Guarany visita o Marau.

O Guarany jogou com: Geo, Douglas, Renato, Marcelo (Ilson) e Ivan Lima; Max, Almir e Cleber; Michel (Rodrigo), Geison (Queijinho), Alan.

O Palmeirense jogou com: Gallas; Betão, Negretti e Maurício; Willian, Thiaguinho, Baianinho (Fazor), Lima, Jonatã e Ganzer; Rodrigão.

Deive Gessinger

Foto: Francisco de Assis

Publicado em Guarany de Bagé, Palmeirense, Sem categoria. ligação permanente.

4 Respostas a Leão luta até o fim e arranca empate em Bagé

  1. Humberto Andrades diz:

    O amigo que escreveu o texto nao olhou o jogo com certeza. O segundo gol que voce cita foi uma falha grotesca do zagueiro do Palmeirense. O outro zagueiro e o goleiro tentaram concertar e nao conseguiram pq estavam todos fora do lugar num lance rapido cara a cara. E o primeiro uma falha do lateral que nao foi na bola e deixou o atacante sozinho. Sem contar os inumeros contra ataques do guarany no segundo tempo que a zaga do Palmeirense salvou, voce nem cita. Texto fraco de alguem que com certeza nao estava no estadio olhando o jogo fica a dica.

  2. Gustavo Werner diz:

    #1. Humberto Andrades:
    Creio que você seja torcedor do Guarany, estou certo?? Este texto foi pelo ponto de vista de um torcedor do Palmeirense, o relato pela visão bageense está aqui: http://www.todacancha.com/2013/10/01/quem-com-ferro-fere-gol-no-fim-sofrera

    Lembro que críticas construtivas são sempre bem-vindas, porém com cuidado.

  3. Humberto Andrades diz:

    Trabalho com futebol e nao sou torcedor nem de um nem de outro. Só que nao se deve escrever o que nao se ve. Essa é minha crítica construtiva.

  4. Matheus Almeida diz:

    Gostaríamos muito de acompanhar os jogos de nossos times tanto dentro quanto fora de casa, mas isso não é possível. Infelizmente, torcer ainda não assina nossas carteiras. hahaha
    O rádio é nosso grande aliado, visto que não dispomos de transmissões televisivas como os (ditos) grandes. Na medida do possível, contamos aquilo que ouvimos e que conhecemos, partindo do que acompanhamos de nossos clubes. A crítica é sempre válida e engrandece. Valeu por acessar nosso blog e que isso continue se repetindo. Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *