TA-TU: o CLÁSSICO que vai parar a Região Celeiro

TAC_Peleador

A Região Celeiro, localizada nas ADJACÊNCIAS do Rio Uruguai e do Salto do Yucumã, as duas MAIORES belezas que esse Rio Grande pode ostentar, INCONTESTAVELMENTE e literalmente irá parar nessa quarta-feira (09/10), quando os dois maiores representantes de seu futebol se encontrarem mais uma vez.

E não será um clássico qualquer. Será O CLÁSSICO! Perdoem-me os que talvez enxerguem nessa afirmação um exagero. Muito longe disso. O Clássico TA-TU dessa quarta-feira tem tudo para ser o melhor clássico da ERA MODERNA (que começa a ser contada a partir de 2005, quando os dois clubes retomaram suas atividades).

De um lado o Tupi, o Índio Guerreiro crissiumalense, o rubro-negro. Uma equipe e uma torcida ORGULHOSA pela façanha conquistada no primeiro turno, quando venceu a fase e conquistou uma vaga antecipada para a Série A-2 do Gauchão de 2014.

 indio_Tupi1

De outro lado, o Três Passos, o TAC Peleador o jalde-negro. A equipe que ficou de fora da fase final do 1º turno por um MÍSERO gol, perdendo a vaga justamente para o arquirrival dessa semana.

O jogo válido pela 5ª rodada do segundo turno da nossa boa e velha Segundona Gaúcha colocará frente a frente duas equipes que estão demonstrando um excelente futebol nessa temporada, encantando pela qualidade e pela raça.

O Rubro-Negro

equipes1

O Tupi possui uma equipe muito bem estruturada e entrosada. Uma equipe que colhe os frutos de um planejamento muito bem feito pela direção e pelo técnico Paulo Henrique Marques.

Depois de voltar rapidamente ao futebol profissional em 2005 e 2006, o Tupi teve uma parada de cinco anos. E quando resolveu voltar em definitivo, no ano de 2012, estava realmente disposto a alcançar um objetivo POSSÍVEL para quem se organiza: subir de divisão. Essa primeira meta já foi alcançada.

Mas o rubro-negro, que conta com uma FANÁTICA E APAIXONADA torcida, não trará facilidades ao desafiante jalde-negro. Muito pelo contrário. O Tupi sabe o valor que tem esse clássico e, após uma parada de 13 dias (em função da desistência do Milan e de ter folgado na última rodada), recuperando o desgaste sofrido na disputa do primeiro turno, a equipe jogará com um ÂNIMO renovado para bater o grande e histórico rival.

O lateral-esquerdo Sander, aproveitou os últimos dias sem jogos para recuperar-se totalmente de uma lesão, e está confirmado. As baixas na equipe são o zagueiro João Carlos, que cumprirá suspensão automática, por ter sido expulso no último jogo, contra o Rio Grande, e o atacante Rodrigo Zeferino que pegou um gancho de 5 partidas e dará lugar a Juninho ou Giovani. Caçapa deve ser o substituto e terá a tarefa de, ao lado dos companheiros, manter o tabu de não perder para o TAC desde 2005.

O Jalde-Negro

equipes2

Do outro lado estará o Três Passos, o TAC velho de guerra. Uma equipe que vem fazendo uma campanha de alto nível, apesar de tantas dificuldades. Após ficar no QUASE, no 1º turno, voltou ainda mais ligada nesse segundo turno, mantendo uma campanha que deixa ESPERANÇOSOS todos os seus torcedores: lidera o Grupo-B com 9 pontos, em três jogos disputados.

O técnico Jair Galvão conseguiu dar um padrão à equipe, que vem aplicando, em campo as lições do mestre. Com muita DEDICAÇÃO, o TAC sabe que somente conseguirá a vitória em Crissiumal se manter o espírito de luta das últimas partidas, superando o cansaço e o grupo reduzido.

treino_TAC1

O volante Wagner, que vem tendo grande atuação na meia-cancha, volta ao time, assim como o atacante Josimar. Os dois cumpriram suspensão no último final de semana. O centroavante Fabio Buda, goleador da equipe, foi poupado do trabalho físico de hoje pela manhã, mas tem presença confirmada no jogo.

O CLÁSSICO DO CELEIRO

O Clássico apelidado carinhosamente de TA-TU, teve seus primeiros duelos na segunda metade dos anos 60. Após uma pausa no futebol profissional da região por cerca de 15 anos, esse apelido apenas foi definido e consolidado no final da década de 80 e início dos anos 90, com grandes EMBATES travados por jogadores IDENTIFICADOS localmente com as duas camisetas.

Ou alguém não lembra de Pedrali e Simionato decidindo em favor do Tupi, e de Flávio Chiesa e Ortiz defendendo Jalde-Negro?

Por dificuldades de se conseguir dados históricos dessas épocas, não temos como precisar quem foi superior a quem naqueles idos anos (este levantamento está sendo feito e quando tivermos disponível estaremos divulgando).

Apenas temos como medir o desempenho de ambos na ERA MODERNA, por assim dizer. Ou seja, de 2005 para cá. E nesse comparativo, o Tupi leva grande vantagem. Em 8 partidas disputadas, o rubro-negro venceu 3, empatou 4 e perdeu apenas uma vez para o TAC, em 2005.

Quem vence quem?

O TAC de Jair Galvão, Deivid e Fabio Buda será capaz de quebrar esse histórico, justamente no ano em que o Tupi de Paulo Henrique Marques, Amaral e Rodrigo Zeferino, alcançaram uma das maiores conquistas do clube?

O Índio Tupi vence, ou triunfa o Gaúcho do TAC?

Somente saberemos nesta quarta-feira… mais uma DATA marcada para entrar na história desse futebol que se inventa e reinventa a cada ano, em uma região onde a SUPERAÇÃO é marca registrada de um povo!

E que este clássico seja apenas um APERITIVO. Pois o nosso verdadeiro SONHO é termos o Clássico TA-TU decidindo quem será o campeão da Segundona Gaúcha deste ano. E, modéstia a parte, temos todo o direito de sonhar com mais essa façanha. BASTA QUE OLHEM PARA A TABELA!

Confira os últimos resultados do Clássico TA-TU:

20/03/2005 – Tupi 3 x 1 Três Passos

16/04/2005 – Três Passos 1 x 0 Tupi

25/02/2006 – Três Passos 1 x 1 Tupi

26/03/2006 – Tupi 1 x 0 Três Passos

02/04/2006 – Três Passos 2 x 2 Tupi

30/04/2006 – Tupi 3 x 1 Três Passos

12/08/2012 – Três Passos 1 x 1 Tupi

29/09/2012 – Tupi 1 x 1 Três Passos

FICHA TÉCNICA

Tupi Futebol Clube:

Josemar; Sampaio, Saulo, Caçapa e Sander; Amaral, Cleberson, Robson e Bruno Flores; Juninho (ou Giovani) e Serjão. Téc: Paulo Henrique Marques.

Três Passos Atlético Clube:

Douglas; Rossi, Gonçalves, Nicoletti e Luis Henrique; André Tereza, Wagner, Deivid e Alexandre; Josimar e Fabio Buda. Téc: Jair Galvão.

Arbitragem:

Ilton Marcos Alves de Souza, auxiliado por Vagner Maurício da Luz e Alexis Raber. O quarto árbitro será Edegar da Silva Frick.

Local: Estádio Rubro-Negro, em Crissiumal

Horário: 15h30min

O Clássico no ar:

Rádio Alto Uruguai (www.radioaltouruguai.com.br)

Rádio Metrópole (www.metropole1070.com.br)

Rádio Difusora Celeiro (www.rd3.net.br)

Que nesta quarta-feira tenhamos um BAITA jogo e que vença o mais COMPETENTE em campo.

Diretamente da ponte do rio Lajeado Grande, na EXATA divisa entre Três Passos e Crissiumal…

Vini Araujo

@viniaraujo87

 

Foto do Gaúcho do TAC: Carlos Grün (Jornal Atos e Fatos)

Foto do treino do Tupi: Guia Crissiumal

Demais fotos: Vinicius Araujo (Rádio Alto Uruguai / Jornal Observador)

Publicado em clássicos, Clubes Gaúchos, Segunda Divisão 2013, Terceirona 2013, Três Passos, Tupi de Crissiumal com as tags , , , , , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *