São Pedro não gosta de Periquitos

chuvaTC

Quarta-feira, temperatura AMENA, povo rumando aos Eucaliptos pra acompanhar o primeiro confronto entre Avenida x Riograndense pelas oitavas de final da Copa FGF Sub 19. Riograndense veio a Terra do Fumo com um uniforme ROXO em homenagem a um dos primeiros do clube e o Avenida foi a campo com seu tradicional uniforme verde, tudo muito bonito, só esqueceram de avisar São Pedro. Assim que o já quase careca, Daniel Soder autorizou que a redonda rolasse, as torneiras lá de cima se abriram também. O que começou numa GAROA DE MOLHAR BOBO, aos 15 minutos de jogo já não permitia mais que a bola rolasse, simplesmente ESTACIONAVA nas poças de água, dificultando a vida dos times. Beirando os 20 minutos, o Riograndense vai ao ataque, e não acostumados ao futebol aquático, a zaga do Avenida se EMBANANA deixando o atacante visitante adentrar a área, goleirão numa tentativa de defesa acaba cometendo a penalidade. Júnior cobrou forte e mesmo Vitor caindo pro lado certo, a defesa foi inviável.

Aos 22 minutos de bola (não) rolando e de muita, mas muita chuva, a arbitragem parou o jogo. Depois de uma hora no aguardo o celular da Federação tocou, mas não era o bola de fogo, e sem condições de jogo, a partida foi transferida para a tarde de quinta-feira.

gandense

20 horas e 38 minutos depois a peleia reinicia nos Calípio, dessa vez com sol, Riograndense com seu uniforme tradicional e Avenida de branco. Finalmente com um futebol apresentável dentro das quatro linhas, o Avenida se mostrou com mais vontade desde o início da peleia. Porém o primeiro tempo foi sem grandes emoções para o torcedor que retornou ao pavilhão na tarde de quinta.

De volta pra segunda etapa o Avenida veio a campo com Fanfa no lugar do zagueiro David. Mudança que deu total controle do jogo pros donos da casa, já aos 4 minutos numa subida ao ataque, o cuera que tinha acabado de entrar estufou a rede visitante! Placar igualado e o Periquito Santacruzense sobrando pra cima do Periquito do coração do estado.

gol

Sem demora, o camisa 16 Fanfa guardou mais uma vez a bola na rede.  2 x 1 pro Avenida! Sem deixar o resultado interferir o desempenho em campo, os alviverdes seguiam subindo ao ataque com uma ÓTIMA movimentação do camisa 7 Juninho, mas pecando na finalização.

Com o técnico do Riograndense EXALTADO na beira do gramado e mandando seu time pra cima a todo momento, Lúcio resolveu mudar a equipe em campo. Colocou Parrudinho no lugar do camisa 9 Guilherme, Juninho pra entrada de Ezequiel e quando Kiki, inspirado no CAPITÃO NASCIMENTO pedia pra sair, viu uma cobrança de escanteio do Riograndense se transformar em gol. Era o 2 x 2 cravado no placar (apagado) dos Eucaliptos e Peiter que entrava no lugar de Kiki. Pra fechar o PACOTE de mudanças, ainda entrou o GIGANTE William no lugar de Lucas.

O time que estava muito bem postado, virou claramente em uma pilha de nervos no gramado. Sem a calma que possibilita o bom toque de bola, o Avenida subia ao ataque e finalizava de qualquer jeito. O que, obviamente, não se transformou em gol.

quase

Foram cerca de quatro chances claras de gol que não deram em nada, que aliados com a cera que os visitantes faziam, fizeram com que o homem de laranja acabasse o jogo com o placar igualado.

Agora o Avenida vai até o coração do estado decidir a vaga no domingo, a peleia está prevista pro horário da sesta, as 14 horas. O GANDENSE tem a vantagem do saldo qualificado, mas uma vitória simples dá a classificação aos pupilos de Lúcio.

(As fotos são da cancheira Sabrina Heming)

Desconfiada que São Pedro anda de ladaia,

Sabrina Heming

Publicado em Avenida, Copa FGF Sub-19, Riograndense-SM com as tags , , , , , . ligação permanente.

Um comentário em São Pedro não gosta de Periquitos

  1. A por L diz:

    Bom relato do jogo. Descontraído e com as informações suficientes ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *