Arquivo da Categoria: Série B

Algo se perdeu no meio do caminho

Eu não sei o que aconteceu com parte da torcida do Brasil. O povo está dividido e, mesmo com a internet à disposição e incontáveis grupos e fóruns, não há diálogo. O único raro momento de união nos últimos meses … Mais

1 Comentário |

Até um dia, Jaconi

A noite da última sexta-feira (12/5) teve ao menos dois significados: representou um marco histórico, o retorno do Juventude à disputa da série B nacional, o que não acontecia desde 2009. Foi, também, minha despedida do Alfredo Jaconi, estádio que … Mais

1 Comentário |

NOS ACHER

Jogo no início da semana é pra alegrar qualquer vivente EMBURRADO com a rotina do dia a dia. Chegar na Baixada e sentir AQUELE clima de jogo é sensacional. Ainda mais depois de uma baita vitória fora de casa contra … Mais

Comentar |

Aqui não!

Sabadão de inverno, AQUELA ressaca no corpo e uma saudade dolorida no peito: jogo do meu Xavante em casa. Vento gelado na rua, daqueles de congelar o vivente, mas quando cheguei ao Bento Freitas estava tudo resolvido. Lá a gente … Mais

Comentar |

Brasil ENCARDIDO

Se há um elogio cujo me enche de orgulho é o que rotula o Grêmio Esportivo Brasil como um “time encardido”. Na noite de sábado, após a derrota para o Vasco da Gama no velho São Januário, os comentaristas da … Mais

2 Comentários |

Desta vez não tivemos motivos para sorrir no Castelão

No imponente Castelão, antes de ontem após o anoitecer, o escrete Xavante entrou em campo para tentar pontuar. Porém, pela segunda vez no certame, sofreu três gols contra nenhum seu e amargou mais uma pesada derrota. O perder e o … Mais

Comentar |

O Brasil não pode errar(?)

Por mais que uma campanha bem sucedida exija poucos erros, a ideia de que o Brasil não pode errar está presente, às vezes de forma sutil, nos comentários feitos por torcedores e demais apreciadores do ludopédio — e tudo isso é uma … Mais

Comentar |

Na Baixada, o campeão da Copa Verde sucumbiu 

Ontem à noite, o frio não atrapalhou. Inclusive, a temperatura para nós foi boa, tranquila, mas para o time do Paysandu foi o suficiente para a compra de LUVAS DE LÃ FEITA PELA VÓVIS (ns). O Papão, cujo clube sempre … Mais

Comentar |