Um Duelo de Jalde-Negros

TAC 1x0 Bagé - 2012 (Jornal Atos e Fatos)

TAC 1×0 Bagé – 2012 (Jornal Atos e Fatos)

Depois de duas extensas fases, que os Jalde-Negros passaram sem maiores dificuldades, chegou a hora dos dois se enfrentarem pelo mata-mata da Terceirona. Ambos caíram na fatídica Divisão de Acesso de 2011 e de lá pra cá, já viram seus rivais levantarem o caneco da INFERNONA, Tupi em 2013 e Guarany no ano passado.

(mais…)

Lutando contra a banca

10460659_733470910049816_5868578070674632776_o

Cancheiro Wilian vibrando com a conquista da Terceirona 2014 (Acervo pessoal)

Tal qual fizemos na Divisão de Acesso, na Terceirona também teremos os PREVIEWS dos duelos das quartas-de-final e daremos um BRIEFING em três partes sobre os postulantes ao acesso à amada Segundona. Como em 2017 a dupla Gre-Nal marcou presença e mesmo com seus sub-23, foram superiores e como o Toda Cancha não se propõe a analisar as equipes portoalegrenses intrusas no torneio, contamos abaixo um resumo de Gaúcho e Rio Grande, que lutarão contra os gigantes da província. (mais…)

A capital jogará pelo interior – Preview São José x Brusque – Série D

São José 2x4 Brusque - Série D 2009 (Fernando Gomes)

São José 2×4 Brusque – Série D 2009 (Fernando Gomes)

Criada em 2009, a participação dos times gaúchos na Série D do Campeonato Brasileiro tem sido satisfatória, com três acessos seguidos entre 2013 e 2015, Juventude, Brasil e Ypiranga, respectivamente. Neste ano, o campeão gaúcho, Novo Hamburgo e São Paulo, de Rio Grande, já ficaram pelo caminho e apenas o São José de Porto Alegre segue na disputa.

(mais…)

Onde estamos, não diz quem somos!

Lajeadense tentou, mas não chegou ao objetivo. Créditos:Tropical FM

Lajeadense tentou, mas não chegou ao objetivo. Créditos:Tropical FM

O Lajeadense chegou até as semifinais da Divisão de Acesso 2017 e acabou sendo derrotado pela equipe do Avenida, de Santa Cruz do Sul. Com isso, terá que disputar novamente a competição em 2018.

(mais…)

É preciso falar!

Grande maioria dos atletas fica meses desempregado. (Foto: Nicolas Vieira/SCSP)

Grande maioria dos atletas fica meses desempregado. (Foto: Nicolas Vieira/SCSP)

No dia 25 de Junho de 2017 o SC São Paulo, assim como o Novo Hamburgo, encerraram suas participações na Série D do Campeonato Brasileiro. Além das duas equipes gaúchas, outras 34 agremiações, ás 20h deste inapelável domingo, deram fim ao seu calendário no ano de 2017. Os 175 dias do ano de 2017, até então, reservaram no caso do Leão do Parque de Rio Grande, um total de 17 jogos. Uma média de 1 (um) jogo a cada 10 dias. Mas a grande questão é o que está por vir: restam, ao ano de 2017, 189 dias. Todos esses dias, com um total de 0 jogos. Uma média de 0 (zero) a cada 10 dias.  (mais…)

O lado verde é o lado forte, sim senhor!

19260454_1604461189573733_2190408259390075529_n

O último sábado foi de despedida da Divisão de Acesso, não que eu não goste deste campeonato, tanto que eu digo que é o maior campeonato do mundo, e foi ele que me cativou como nenhum outro, mas eu espero, com todas as minhas forças, que a gente passe a acompanhá-lo apenas à distância daqui pra frente. O último sábado foi para ver mais uma grande atuação do elenco que conquistou a cidade de Santa Cruz do Sul como nenhum outro conquistou nos últimos anos, foi de mais um duelo onde o Avenida se mostrou forte e lutou até o último minuto, honrando a camisa alviverde.

(mais…)

“O campeão voltou” para o seu devido lugar

sl3

Três anos na Segundona não abalaram a confiança do torcedor no Rubro ijuiense. Depois da maior conquista da história do clube, o título do interior de 2013 na elite do Gauchão, em 2014 o São Luiz desabou e voltou ao calvário da Série B.
Com pouca verba, orçamento limitado, depois de dois anos com campanhas instáveis na Série B, 2017 começou com o céu cinzento para o São Luiz. Jogadores desconhecidos da torcida Rubra chegavam aos poucos e cada um deles que colocava os pés na Baixada, prometia o título e o retorno para a Série A.

(mais…)

Algo se perdeu no meio do caminho

torcida xavante

Eu não sei o que aconteceu com parte da torcida do Brasil. O povo está dividido e, mesmo com a internet à disposição e incontáveis grupos e fóruns, não há diálogo. O único raro momento de união nos últimos meses foi para pedir ingressos com preços mais acessíveis e novas modalidades de sócio. A situação parece piorar a cada novo mês. (mais…)